Ad

A cara do turismo paulista está mudando de vez. O grande potencial turístico do Estado, graças ao governador Geraldo Alckmin, está na rota do desenvolvimento. Dia 06 último, foi criada a Frente Parlamentar dos Municípios de Interesse Turístico, garantindo também o apoio do Legislativo paulista.

Setenta estâncias e 140 municípios em uma verdadeira competição, como ensina o Departamento de Marketing de Harvard, trabalham para o turismo decolar cada vez mais.

São Paulo, único Estado a ter a Lei de incentivo ao turismo com liberação de recursos do DADE, tem um grande potencial em todos os setores do turismo, de lazer a histórico. Os prefeitos sabem que é preciso investir um pouco mais em infraestrutura para garantir que “o turista fique no mínimo dois dias”, item principal que Havard enquadra como município turístico.

Com infraestrutura, como diz o prefeito de São Simão, Marquinhos Kajuru, que sempre se faz acompanhar do secretário de turismo, Edenir Luis Belluc, o Brasil voltará suas vistas para o nosso Estado.

No último dia 06/08, por iniciativa do deputado João Caramez, autor da lei nº 1261/15, que criou os “Mits”, foi lançada, com a presença de dois Secretários de Estado, do Turismo, Junior Aprilandi e da Cultura, Romildo Campello, de dois ex-Secretários Fabricio Cobra (que apenas passou para cumprimentar os presentes) e Marco Antonio Castelo Branco e mais de uma centena de prefeitos, vereadores, secretários de turismo municipal.

• MAIS MUNICÍPIOS •

Caramez assinou, com o testemunho dos presentes, a PEC – Proposta de Emenda Constitucional – que vai criar mais 20 municípios de interesse turístico, totalizando 160 e mais 10 estâncias, atingindo 80 no Estado. “Correrei agora atrás de mais 31 assinaturas para formalizar a PEC e, com certeza nossos pares apoiarão à medida que tem o objetivo de atender mais cidades e gerar desenvolvimento por meio do turismo que é a maior fonte geradora de emprego e renda”.

Participaram, também, da solenidade, Daniela de Cássia Brito, prefeita de Monteiro Lobato e presidente da Associação das Prefeituras dos Municípios de Interesse Turístico, Clodomiro Correia de Toledo Júnior, prefeito de Santo Antonio do Pinhal e representante da APRECESP, Jarbas Favoretto, presidente da Associação Brasileira dos Municípios de Interesse Cultural e Turístico e Sebastião Misiara, presidente da Uvesp.

Segundo Caramez a lei tem o objetivo de garantir investimentos aos MITs para fomentar o turismo e melhorar os serviços públicos municipais.

O presidente da Uvesp, Sebastião Misiara, em seu pronunciamento destacou o espirito municipalista do governador Alckmin “sensível à lei “. Ele entende que “São Paulo tem uma diversidade cultural, histórica e turística extraordinária, que é preciso fomentar. E a Uvesp é parceira dessa ação, posto que precisamos substituir os espaços da violência nas mídias pelas oportunidades de turismo”, disse.

 

Silvia Melo • Diretora de Comunicação da Uvesp
www.uvesp.com.br
Ad
Ad